Comprando roupas nos EUA

Para comprar roupas nos Estados Unidos é necessário saber o básico do sistema de medidas de roupas de lá, já que todo o sistema de medidas americano é diferente do que estamos acostumados.

Eu, como não tenho medidas padrão, adorei a experiência de comprar roupas lá, já que eu pude encontrar calças que me servissem na cintura E nas pernas (e não só em uma das duas opções, como quando compro em loja no Brasil). O único problema é decorar a sopa de números… Uma referência que usei foi o guia de conversão de tamanhos de roupas do site Tá Flórida. O guia é tão completo que não pretendo repeti-lo aqui, somente vou completar com as minhas experiências.

Tamanhos padrão:

Vamos lá, essa é a parte mais SIMPLES. São as medidas mais usadas pra camisetas, por exemplo:

PP = XS
P = S
M = M
G = L
GG = XL

Atenção: como lá eles se preocupam em ter roupas pra todos os tamanhos, você vai conseguir encontrar tamanhos maiores que o XL (GG), tem o XXL, XXXL e até maiores, você também vai encontrar essas etiquetas como 2XL, 3XL, etc. Portanto, preste atenção e encontre o tamanho certo pra você. Com certeza você vai encontrar.

Tamanhos de calçados:

Também gostei da experiência de comprar sapatos lá, já que eu uso 46 e normalmente preciso comprar ‘somente aquele modelo que tem o meu numero’, ou seja, não rola um direito de escolha. Consulte a tabelinha com as correspondências para os números daqui, é importante lembrar que cada marca pode ter variações, então experimentar é fundamental!

Calças:

Foi um dos itens que mais gostei de comprar, já que você escolhe o tamanho da cintura e das pernas, acabando com o problema das calças que servem na cintura e ficam curtas nas pernas. Para descobrir o tamanho das pernas, eu fui pelo método das tentativas e erros, até chegar. Eu, por exemplo, que tenho quase 2 metros de altura, preciso de pernas tamanho 34 (difícil de achar, mas não impossível como aqui).

Camisas:

De tudo, foi o que achei mais difícil, mas também é uma numeração funcional: você escolhe por largura do colarinho e tamanho das mangas. Eu descobri meu tamanho por tentativa e erro (mais de uma hora provando camisa na Polo Ralph Lauren). Como eu nunca soube qual o meu número de camisa no Brasil, já que esses números 3, 4 ou 5 nunca me servem no colarinho e nas mangas, acabei indo pra lá sem referência.

Nesse ponto, também é importante lembrar que cada marca pode ter variações e tem outro ponto: a maioria das marcas tem diferentes cortes, como Slim Fit e Custom Fit, portanto se um tamanho 16 numa camisa Standard ficou um pouco larga, experimente o mesmo tamanho em Slim Fit, no meu caso deu certo.

Para as meninas:

Acho que as regras de tamanhos para homens e mulheres são mais ou menos parecidas. Um item que exige atenção especial é a compra de sutiã. Para saber o tamanho certo, você vai precisar de uma fita métrica e calculadora (além de ter uma boa memória ou levar anotado em algum lugar). No guia do site Tá Flórida você encontra como fazer este cálculo direitinho.

Dicas gerais:

Nunca é demais dizer, mas em geral, nos outlets você vai encontrar preços incríveis em roupas de marcas famosas. E quando você encontrar a seção ‘Clearance‘, os preços vão estar ainda melhores (algo como um ‘saldão’, mesmo).

Dica #1: já que você tem as melhores marcas do mundo, não entre primeiro na Marshalls ou na Ross. Vou falar o que eu fiz, para você poder aprender com o erro alheio: entrei de cara na Marshalls, comprei uma camisa pólo e uma bermuda, pois estavam baratos. Não é que eu não tenha gostado, mas depois encontrei preços melhores na Tommy Hilfiger, por exemplo…

Dica #2: se você encontrar algo que realmente quer, compre. Não espere encontrar em outro lugar, pois isso provavelmente não vai acontecer e você vai se arrepender.

Dica #3: não pesquise preços do que você já comprou. Você pode se frustrar. Pense que pagou um bom preço e ponto. Se você não tivesse comprado antes, poderia nunca mais encontrar seu tamanho ou a cor que gostaria.

Dica #4: controle-se. Os preços são incrivelmente bons, tem muita promoção, mas dinheiro tem limite (infelizmente), mesmo que você tenha acabado de ganhar na mega-sena. O que nós fizemos e eu recomendo é levar aqueles cartões de débito pré pagos (Cash passport ou similar), porque aí você pode controlar o seu limite e não amargar uma Fatura do cartão de crédito astronômica na volta…. Cartão de crédito, use com moderação.

Texto complementar: Guia de conversão de tamanhos de roupas BRA x USA do site Tá Flórida (importante: não estou ganhando $$$ pra divulgar este site, mas realmente é o melhor de todos os guias que encontrei online)

Bom, aí estão as minhas dicas, boas compras!

Nosso carro depois de um dia de compras em Miami…

Anúncios
Categorias: A viagem, Compras, Dicas | Tags: , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: